Bom Ano 2012

Anúncios

Baby

Olhem só que baby mais lindo! Filho do actor Orlando Bloom e da modelo Miranda Kerr. Os papás são os dois lindos. Dá neste bebé de catálogo. Kutchi, kutchi… :)

Homens

 

Eu sei que os homens não são todos iguais. Acredito que existam aqueles que falam. Os que exprimem sentimentos. Alguns que até contam o que se passou no dia de trabalho quando chegam a casa. Eu sei que não são utopia nem existem só nas “Crónicas de Narnia” ou nalgum mundo imaginário do género. Eu até tenho um desses em casa. Ás vezes demora algum tempo mas, aparte o “relatório” do dia-a-dia que definitivamente não conta, não tenho razões de queixa.

Há, no entanto, dias em que me enerva solenemente que, a alguns deles, continue a custar soltar algumas frases simples como um “estou com saudades” ou “estava a pensar em ti e resolvi escrever ou ligar.”. É assim tão difícil? Não é lamechice que se pretende. Só alguma demonstração do que se sugere estar a sentir mas que não se diz. Hoje deu-me para aqui. Foi o desabafo do dia. :)

Gosto de… pão com cereais

Durante a minha viagem de trabalho com os meus “amiguinhos do Marco”, todos os dias eu ouvia ao pequeno-almoço “Alicinha, coma pão escuro e com cereais. Faz melhor.”. Segui o conselho. E agora não quero outra. Adoro todo o pão com cereais. Quanto mais escuro melhor. Não deixei de gostar de regueifa. Adoro. Agora pão branco normal já me parece desenxabido. Obrigada, boa gente do Marco. Pelo conselho e pelo carinho de uma semana por terras bálticas.

Rabanadas

Foi a minha perdição neste Natal. As rabanadas. No dia 25 de manhã é o que melhor me sabe no pequeno-almoço tardio. Ontem à noite comi a última que trouxe de casa da minha tia e da minha mãe. Acabaram. Não devo comer mais até ao próximo Natal. Estavam óptimas. Parabéns à mãe e à R., que as fazem como ninguém. Nunca me atrevi a fazê-las sozinha. Sei que não é nada difícil mas, definitivamente, não gosto tanto de cozinhar doçarias.

Disney

A realização de um sonho. Antigo. Sempre quis ter dois pares de óculos. Uns básicos pretos e um de cor. Cor-de-rosa, cereja ou uma cor do género. Comprei os dois na sexta feira. À custa de uma promoção fantástica de uma óptica, sugerida por uma grande amiga. Depois de várias tentativas em que os óculos ficavam grandes, a funcionária super simpática lembra-se de ir buscar “armações infantis”. Estes são da Disney e ficam-me a matar. Escolhidos. O segundo par é em tons de roxo e cor-de-rosa. Também escolhidos. Hoje vi, no site da loja, uns em cereja que também amei. Lindos. Vamos ver, dos coloridos, quais ficam. Estou feliz, feliz, feliz. :)

iPod

Recebi esta prenda no Natal do meu mais que tudo. Tipicamente à gaja, não percebi à primeira o que era. Achei que era um telemóvel mas depois, com muitas explicações, percebi tudo e adorei. Consigo ter acesso ao mail de imediato, o que será óptimo, dado que não tenho o hábito de lá ir com regularidade. O facebook à mão de semear é assim qualquer coisa de angelical. E posso estender roupa com a voz cristalina da Adele a cantar o “Someone like you”. O que mais pode uma mulher desejar? :)

Merry Christmas

A todos um fim de semana natalício repleto de:

  • Gargalhadas
  • Arroz doce
  • Rabanadas
  • Abraços
  • Prendas
  • Sorrisos
  • Farófias
  • Beijinhos… e tudo o que mais desejarem!

Um Natal polvilhado de açúcar e canela! :)

Carros

Enerva-me solenemente gastar dinheiro no carro. Sei que o dito veículo de quatro rodas me dá muito jeitinho e que, sem ele, às vezes tudo seria bem mais complicado e demorado. De qualquer das formas isso não invalida que seja o dinheiro que mais me custa a dar. Nesta última avaria, e depois de uma ida ao mecânico, mais quase 200 euros. Por uma bateria e uns filtros não sei de quê (e também não quero saber). Vou voltar ao meu espírito natalício e tentar esquecer o dito cujo.

Soutiens

Há coisas que, mesmo ao fim de quatro décadas neste mundo, me continuam a baralhar. Fui trocar um soutien que me ofereceram no Natal. Faltavam algumas gramitas de mamas para o encher. Chego à loja acompanhada de uma amiga. Eu até sei o meu tamanho. 34B. Só que, na dita cuja loja, estava tudo em número do 85 ao 100. What? E como é que eu sei ao que corresponde? Lá conseguimos chegar á fala com uma menina da loja, no meio de toneladas de gente, e ela lá explicou que seria um 85B. Boa. O pior foi que só havia tamanhos grandes. No meio do desespero, lá decidi comprar o 90A. Pensei eu que seria o mais próximo do desejável. Mulher sofre… :)

Gosto de… Pensal

Cevada faz-me lembrar a minha avó materna. Ela tomava sempre com pão amolecido dentro da cevada. Desde que o café me tem posto agitada, opto pela cevada. E parece-me um substituto razoável. Não é a mesma coisa. Isso não. De qualquer das maneiras, para mim, acaba por me saber muito bem. Gosto.

Caixas

Estou de férias da agência. E a ajudar, no que posso, na loja da minha tia. Na Setes. Comprovei que, realmente, isto do artesanato tem que se lhe diga. Dá tudo muito trabalho mas sai de lá arte pura. Eu só tenho feito o básico. Tipo pintar de uma só cor as superfícies maiores. A parte artística deixo para a minha tia e para a minha irmã. Esse gene especial passou por mim a correr. De qualquer forma, ando cansada mas feliz. Sabe bem espairecer e pintar descontrai-me. Essa caixa é um exemplo do que por lá se faz e vende. Adoro.

Livro

A ideia foi do meu marido. Fazer um livro com tudo o que eu escrevi no primeiro ano de vida deste “Mundo de Alice”. Achei piada. Fiquei com curiosidade de como ficaria uma compilação dos meus pensamentos, das listas do que gosto e não gosto, dos desabafos e emoções, dos homens que acho giros e de todas as fotos escolhidas a dedo para cada caso. Coube-me fazer a edição do livro. Em tempo recorde de quatro dias. Tinha que ser para chegar antes do Natal. Teve que ser dado que se trata da prenda de Natal dele para mim. Chegou hoje. Fiquei de alma cheia. Adorei-o. 243 páginas do meu mundo. De mim. Com muito cor-de-rosa, muitas fotografias e um ano de histórias. A árvore plantada e o livro já estão.

Globos

Gosto de globos. Daqueles tipicamente americanos. Vejo nos filmes que existem em todas as cidades americanas como souvenirs. Ontem recebi um de Natal e adorei. Tem neve e tudo. A cereja no cimo do bolo. :)

Benetton III

 

Deolinda

Um DVD e dois cd´s do concerto no Coliseu dos Recreios, em Lisboa. A minha banda de eleição. Recebi hoje de prenda de Natal e amei. Continuo a achar que retirar a música “Entre Alvalade e as Portas de Benfica” do alinhamento musical dos concertos é imperdoável mas mesmo assim eu adoro-os! Obrigada, amiga! :)

Pai Natal

Ainda hoje é dia 20 de Dezembro e o Pai Natal já resolveu trazer umas prendinhas adiantadas. Isto que os amigos são muitos e temos que ir dando (e recebendo) algumas antes do dia 24 senão o senhor de barbas brancas não tinha tempo para tudo. Assim sendo, e para ficar para a posteridade, aqui vai a lista das coisas lindas recebidas até hoje.

Nota importante: a ordem é aleatória, para não ferir susceptibilidades.

  • Pijama do Milu da Oysho
  • Caneca da Foto Sport com a carinha laroca dos meus sobrinhos R. e S.
  • Prato de Natal
  • Lenço vermelho (com nome estranho que por mais que tente não consigo decorar) da Misako
  • Soutien às flores da C&A
  • Brincos em forma de borboletas
  • Vela de Natal
  • Foto impressa
  • Creme de corpo da Boticário (aquele maravilhoso de maracujá e cajá)
  • Conjunto de especiarias (já com louro e afins, que os meus amigos são fantásticos)
  • Caneca com borboletas (pink, clarooooo)
  • Bloco para a carteira (verde, clarooooo)

Obrigada, amiguinhos! :)

Pedido especial: Adeptos do MANEPA, agradeço não se manifestem por favor. Eu cá não sou de censuras mas por favor deixem-me continuar feliz e contente. :)

Ana Garcia Martins

Ana Garcia Martins. Jornalista. Benfiquista. E autora de um dos blogues mais conhecidos de Portugal. Ouvi falar do blogue através de amigas. E resolvi espreitar. Depois de uma vista superficial aos posts mais recentes, e para ser franca, não percebi muito bem o porquê de tanta popularidade. E eis que, depois deste meu comentário, uma amiga me empresta o livro. Devorei-o em três dias. E honra seja feita à escritora, o livro tem realmente piada. Segundo o que percebi foram compilados posts por temas. Desde homens, sexo, bebés (não por esta ordem tão lógica), tecnologias, manias de homens e mulheres, e por aí adiante. Acho realmente que ela escreve muito bem e que tem um sentido de humor que eu gostaria de ter. Pipoca, gostei de te conhecer.

Amoras e framboesas

Hoje tive um jantar de Natal na casa de um grande amigo. Estreia na casa nova. Linda de morrer, por sinal. E adorei o facto da entrada e da salada terem amoras e framboesas. Passo a explicar. A entrada eram framboesas e amoras com bolinhas de queijo mozarella. Também me espantei por haver bolinhas de queijo mas existem sim senhora. Vi na cozinha o dito invólucro, do Pingo Doce (passe a publicidade), com 20 bolinhas. Muito boa a conjugação. A acompanhar o repasto, salada de rúcula com tomate cherry e os frutos já mencionados. Também adorei a mistura. Obrigada pelo excelente jantar, amigo! Seguramente vou copiar! :)

Black, Strong and Sweet

“Coffee should be black as hell, strong as death and sweet as love.”

Previous Older Entries

Facebook

Dezembro 2011
S T Q Q S S D
« Nov   Jan »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031