Domingo

Com uma preguiça monumental…

Anúncios

Super 8

O filme que vi hoje. Gostei muito da primeira parte. O mundo de um grupo de crianças que estão a criar um filme para apresentar no “Super 8”, um festival de cinema local. Adorei as personagens. A Ellen Fanning e o actor Joel Courtney, no seu primeiro papel, estão fantásticos. Sem querer desvendar demais, achei que a segunda parte poderia ter menos “pirotecnia” e tiros. Soube, depois de o ver, que é um filme de homenagem a Spielberg. Explica algumas coisas. Adorei a magia que, apesar dos “excessos”, o filme contém nas cenas das crianças. Uma magia que já não via há algum tempo numa sala de cinema.

Gostei.

Dezoito

Eram dezoito. Dezoito adolescentes. Pelo aspecto deviam ter entre os 14 e os 16 anos. Rapazes e raparigas. Entraram na sala de cinema onde estávamos sentados à espera do filme em grande algazarra. “Isto vai acalmar”, pensei eu. Enganei-me redondamente. Aos gritos uns com os outros, a andar de um lado para o outro, risos e gargalhadas. Cinco minutos depois de começar o filme, vai o meu marido pedir silêncio. Não adiantou nada. Primeira parte do filme nisto. Escusado será dizer que a concentração foi nula e que os nervos aumentavam. Ao intervalo, fomos fazer queixa ao staff do cinema. Chamaram a atenção a alguns membros do grupo e estiveram quase toda a 2a parte do filme com um elemento da segurança dentro da sala. Alguém me explica o que vão fazer 18 miúdos para uma sala de cinema quando a última coisa que querem fazer é ver o filme? Conseguiram estragar a minha sessão de cinema e a de todos os que estavam lá efectivamente para ver o filme. Definitivamente, vou continuar a tradição do cinema ao domingo à hora do almoço. Este tipo de situação pode acontecer também mas é bem menos provável.

Relax

Dois dias para relaxar. Que bom! :)

Saldos

Adoro, adoro, adoro! Comprei hoje três camisolas a 1,99 euros cada! Uma cor de rosa choque, uma azul turquesa e uma preta. Lindas! Os saldos não são uma coisa maravilhosa? São sim senhora! :)

Ciclistas

Antes de mais, convém dizer que nada tenho contra o ciclismo. Como desporto, não me entusiasma nem um bocadinho. Não me imagino, por exemplo, a ver uma “Volta a Portugal” na televisão. Adormecia de certeza. O que me continua a fazer confusão é conduzir com ciclistas na mesma via. Talvez por serem mais instáveis e mais lentos, acabo por ter sempre dúvidas em ultrapassar ou não. Há dias, com a minha irmã ao volante, iam uns 6 ciclistas à frente do carro. Não iam em fila indiana e ela já a bufar. Acho óptimo os ciclistas fazerem desporto. Mesmo. Continuo, no entanto, a arrepiar-me quando vejo muitos perto de mim. Se estiver dentro de um carro e a conduzir. :)

Dança na chuva

 

Gosto de… botões

Gosto de botões. Adoro o facto de, hoje em dia, se fazer quase tudo com botões. Gosto de os ver pregados em camisolas. Existem colares com botões coloridos e enormes. E, a cereja no cimo do bolo, descobri há pouco brincos. Bom, juntar botões e brincos pareceu-me a ideia perfeita. No Natal comprei uma caixa linda forrada para oferecer na Setes. Amei-a. Pelos motivos mais que óbvios. :)

Voar

E não é que o tempo voa mesmo?… Sem tempo para escrever como gostaria. A parte boa é que amanhã já é sexta-feira. :)

David James Elliot

O prometido é devido. Aqui está uma foto do ex-marido da Jo, do CSI New York. Gosto muito dos olhos do rapaz. Para além disso, tem um cão fofo e de ar meigo. Diz ele que foi a melhor coisa que fez na vida. Tê-lo”adoptado”. Fazem um par giro. :)

Frango assado

Há dias que parecem não ter fim. Custou-me muito sair da agência tarde e ter ainda que ir ao take-away do hipermercado comprar um frango assado, conduzir até casa e finalmente parar. Acho que foi o dia em que mais me custou pegar no carro e ter que o conduzir. Apetecia-me estalar um dedo e estar esticada no sofá. Passava até a parte de ter que me alimentar com o galináceo. Como a vida não é feita de apetites e tele-transportes, tipo Galáctica, vou só agora para o meu rico sofá. Uma boa e santa noite para todos. E a semana ainda vai a meio… cruzes credo.

Vestidos

 

Gosto de vestidos. Gosto muito de vestidos. Não consigo vestir muito tempo por “razões técnicas” mas acho que torna as mulheres muito femininas. Gosto com estampados. Mais simples. Qualquer mulher fica linda num vestido preto básico. Usei um no casamento de uma amiga e senti-me tão bonita e sexy. Então agora nos saldos vê-se cada um mais bonito que o outro. Fico a “babar” nas montras. :)

Sela Ward

Lembro-me dela pela primeira vez no “Começar de novo”. Série romântica com uns bons aninhos. Depois apareceu esporadicamente no “House” como ex-mulher do médico com humor negro e requintado. E agora é a principal figura feminina do CSI Nova Iorque. Por sinal, o meu CSI preferido. E ela veio dar-lhe ainda mais graça. A personagem, Jo Denville, tem sentido de humor e um lado humano que enriqueceu a série. E um ex-marido lindo que será, seguramente, um dos meus próximos “hummmm”. Bem vinda, Sela Ward! :)

Riso

 

Hoje foi um dia de muito trabalho mas de muito riso também. Alguns sustos, próprios da época, mas a boa disposição reinou. E sabe tão bem trabalhar assim. :)

Luciana Abreu

Lembro-me dela com caracóis no casting dos Ídolos. Cara muito bonita e ar angelical. Depois de uma carreira que não acompanhei de perto, surpreendeu-me muito pela positiva no “Último a Sair”. Fazer comédia não é fácil e fazê-lo tendo como base a própria pessoa, menos ainda. Ainda bem que ficou “nos três finalistas” para a poder ver mais tempo. A “discussão” dela com a Sónia acerca das cuecas XS foi, para mim, um dos momentos altos do programa. Dei gargalhadas a vê-la no programa mais original e divertido dos últimos tempos na TV. Parabéns, Luciana! :)

Não gosto de… padrão leopardo

Não digo que não goste de ver o padrão leopardo nalgumas pessoas. Para mim, não. Não gosto mesmo. Nunca tive nenhum peça nem pretendo ter. Gostos. :)

Mundo doido

Há dias em que acho que este nosso mundo anda mesmo doido. Hoje foi um deles.

Riu Palace Punta Cana

Outubro de 2009. Riu Palace Punta Cana. República Dominicana. Quarto espaçoso e sóbrio. Casa de banho de tamanho razoável e nova. Gostei muito das partes comuns. Jardins muito bem cuidados e uma piscina grande. Onde entrei uma vez numa semana. Definitivamente, sou muito mais pessoa de praia do que de piscina.

A comida é muito boa. O buffet do restaurante principal é excelente. Experimentamos três dos restaurantes temáticos. O italiano, o japonês e o grill. Arrependi-me das três vezes. Come-se bem melhor no principal.

Tem animação diurna e nocturna sem grande alarido. Consegue-se ler um livro na praia sem perder a concentração. O “drinky, drinky” dos simpáticos empregados é a única coisa que se ouve. E como sabe bem beber uma coca-cola fresquinha sem me levantar da espreguiçadeira. :) Hotel cinco estrelas.

Não gosto de… sushi

A primeira experiência foi no Brasil. Fortaleza. Viajava em grupo com outros agentes para visitar hotéis e conhecer o destino. Fomos jantar a um hotel e a ementa era sushi. Noventa por centro do grupo odiou. Eu não fui excepção. Engoli a custo algum sushi por educação e jurei para nunca mais. Voltei a ir a restaurantes  japoneses e gosto do que é cozinhado. A parte do arroz com a alga e o peixe cru, não adianta. Não gosto mesmo. De todo. Acho bonito mas não como.

Flower

Peace, love and… flowers. :)

Previous Older Entries

Facebook