Ciúmes

image

Ciúmes. Não tenho. Foi gene que me passou ao lado. Sempre ouvi dizer que quem ama sente ciúmes. Não concordo. Amo. Amei. Sempre sem ciúmes. E não creio que amo menos por isso.

Não consigo entender como relacionamentos que são coesos, caem como baralho de cartas por ciúmes.  Por situações que não aconteceram. Por situações que a cabeça de um deles inventa. Não faz sentido para mim que pessoas acabem, ou ponham em causa, relações que podem ser felizes porque são incapazes de confiar e passam a vida a imaginar cenas que não existem. Apetece abrir a cabeça e provar que o medo que têm de ser traídos os fazem inventar e ver coisas onde elas não existem. Não posso fazê-lo. Senão fazia. Odeio ver pessoas que eu amo sofrer com ciúmes infundados. Não me venham com frases feitas. O ciúme não pode ser bom. Pelo menos este. Doentio e pouco saudável. 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Facebook

%d bloggers like this: